FLÓRIDA: Tribunal de Contas aponta irregularidades em pagamento de licença prêmio

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP), através da Unidade Regional de Adamantina está analisando as contas da Prefeitura Municipal de Flórida Paulista referente o ano de 2017, sendo o primeiro ano da gestão do prefeito Wilson Fróio Júnior.

Na análise dos documentos foi apurado que está havendo a concessão e pagamento de benefícios de natureza estatutária para servidores da Prefeitura Municipal que são regidos pela CLT (celetistas).

De acordo com o Tribunal de Contas, os benefícios que vem sendo pagos são: licença prêmio, adicional por tempo de serviço e sexta parte.

Em oficio enviado a Prefeitura Municipal, o Tribunal de Contas alerta que estas irregularidades já foram apontadas nas contas de 2010 e, portanto já deveriam ter sido regularizadas pelo poder executivo de Flórida Paulista.

Em conversa com a nossa reportagem, o prefeito Wilson Fróio Júnior informou que a situação está sendo estudada pelo departamento jurídico da Prefeitura Municipal. “O Tribunal de Contas alertou da irregularidade e desta forma estamos estudando formas de legalizar a situação e ao mesmo tempo não prejudicar os servidores municipais”, informou o prefeito Fróio.

 

https://scontent.fbau1-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/53270739_417526012386429_744576853284487168_n.jpg?_nc_cat=104&_nc_eui2=AeGkwDTzRIfcGDsPzi9ee2Ap_xhLEoqlp3FE0wr65xiBUfjyDmYC4LLTbv7XxW3N-iWFpa-LErmwAeY0KKYXAuVnUffL5VASX3fkJ16iEyYl8A&_nc_ht=scontent.fbau1-1.fna&oh=d4060a29388d024aac39ba0f8d4fddc9&oe=5D4E040B
 

 

VOCÊ PODE GOSTAR

TV Folha Regional