Temporal provoca alagamentos e enxurrada arrasta carros no Parque do Povo, em Presidente Prudente

O temporal que caiu sobre Presidente Prudente na tarde desta segunda-feira (13) provocou alagamentos em diferentes bairros da cidade.

Carros e motocicletas que estavam estacionados na Avenida 14 de Setembro, no Parque do Povo, foram arrastados pela força da enxurrada.

Também no Parque do Povo, até uma caçamba metálica utilizada para o recolhimento de lixo foi arrastada pela força da água da enxurrada, além de terem sido registrados alagamentos em trechos das avenidas da Saudade, 11 de Maio, Brasil, Coronel José Soares Marcondes, Manoel Goulart e Celestino Figueiredo e das ruas Dr. José Foz e Donato Armelin.

Também foram registrados alagamentos em bairros de diferentes regiões da cidade, como o Jardim Estoril, o Jardim Sabará, o Jardim América, o Jardim Bongiovani, o Jardim Santa Eliza, o Parque São Matheus, o Jardim das Rosas, a Vila Roberto, a Vila Geni e o Centro.

No Jardim Santa Eliza, o trânsito de veículos precisou ser interditado nos dois sentidos em decorrência do alagamento da Avenida Ana Jacinta.

Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas para prestar atendimento a ocorrências de alagamentos na cidade.

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), foram registrados 25,4 milímetros de chuva em Presidente Prudente em um intervalo de apenas uma hora, entre as 17h e as 18h desta segunda-feira (13).

O climatologista Vagner Camarini explicou que a forte chuva foi ocasionada por muitas áreas de instabilidade que concentraram as precipitações pluviométricas em uma mesma região – no caso, o perímetro urbano de Presidente Prudente –, fenômeno que é comum nesta época do ano.

MUTIRÃO

A Prefeitura informou que já está com equipes nas ruas atuando no recolhimento de galhos, na desobstrução de vias e em outras ações voltadas a solucionar os prejuízos causados pelo temporal do fim da tarde desta segunda-feira (13), “atípico até mesmo para esta época do ano”.

Segundo o Poder Executivo, os trabalhos serão intensificados logo nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (14), quando o município fará um mutirão, com o envolvimento de várias secretarias.

“É importante ressaltar que a Prefeitura mantém equipes da Secretaria de Obras para desobstrução de bocas de lobo e assim permitir o escoamento das águas pluviais. Estes bueiros (são mais de 10 mil na cidade) têm sido frequentemente obstruídos por sacos de lixo, colchões, travesseiros, móveis e outros itens que, ao serem colocados irregularmente na calçada, acabam sendo arrastados pela chuva”, salientou o Poder Executivo.

No caso específico do Parque do Povo, segundo a Prefeitura, para sanar de vez o problema histórico dos alagamentos no local, haveria a necessidade de promover obras de grande monta, com abertura de novas galerias e ampliação da vazão nas já existentes, além de refazer a ponte sobre o Córrego do Veado.

“Tais obras requerem investimento muito alto e o município, sozinho, não tem condições de suportá-lo, sendo necessário o apoio de outras esferas de governo ou de empréstimos bancários por parte de instituições internacionais”, concluiu a Prefeitura. (FONTE: G1 Presidente Prudente)

ASSISTA AO VÍDEO ENVIADO POR INTERNAUTAS

 

MAIS NOTICIAS
Carregue mais