Connect with us

Cidades

Indústria de roupas dispensa cerca de 150 funcionários em Adamantina

Publicado

em

Uma indústria de roupas, em Adamantina, localizada na Avenida Rio Branco, proximidades do Jardim Primavera, dispensou na última terça-feira (12) os cerca de 150 funcionários que trabalham no local. Eles estavam de férias e retornariam naquele dia atividades, quando foram impedidos de ingressar na empresa e teriam recebido o comunicado de rescisão do contrato de trabalho.

Essa medida da empresa foi confirmada pelo portal sigamais.com com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Presidente Prudente e Região, José Carlos da Silva.

Segundo o representante sindical, o centro da demissão dos trabalhadores é a crise econômica decorrente da pandemia da Covid-19, que atinge praticamente todo os setores da economia, com grande impacto no setor de vestuário, no Brasil e no mundo. A situação de dificuldade, vivida ao longo de todo o ano de 2020, foi agravada ainda mais pelo fim do programa de redução de jornada e suspensão de contratos de trabalho, disponibilizado pelo Governo Federal, encerrado em dezembro último.

Desde terça-feira o representante do Sindicato tem mantido contato com a empresa, na tentativa de construir uma alternativa que permita a manutenção dos empregos, o que não se efetivou. Uma assembleia com os trabalhadores deve ocorrer na manhã desta sexta-feira (14), realizada pelo Sindicato, na empresa, para orientação aos trabalhadores desligados. Os funcionários devem comparecer com a carteira de trabalho.

Segundo o representante sindical, a situação crítica vivida pela indústria do vestuário, nesse período de crise, não é restrita a essa empresa. Há outras, do segmento, na região, que vivenciam um período de grandes dificuldades.

https://i2.wp.com/media.giphy.com/media/gciDFcX3CmV7nvGVhF/giphy.gif?w=740&ssl=1

Publicidade

Mais Lidas